As 3 Artes: Novembro 2009

Centro de mesa em Crochê

Especial Gueixas em Ponto Cruz

Especial Gueixas em Ponto Cruz Gueicas em Ponto Cruz

Semaninha de Vaca

Linda semaninha de vaca, você vai amar este lindo gráfico em ponto cruz!

Titulo da Imagem Titulo da Imagem

Vestidos de Noivas em Crochê

Especial dedicado a todas as noivas, lindas inspirações em crochê

Titulo da Imagem Titulo da Imagem

Especial Tinker Bell 01,02,03,04,05

Lindos gráficos em ponto cruz da fada mais querida da Disney e sua turma

Titulo da Imagem Titulo da Imagem

Turma da Galinha Pintadinha

Idéias para montagens de personhagens da galinha pintadinha em eva e garrafa pet

Titulo da Imagem Titulo da Imagem

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Olivier Anquier


Oi meninas! Não sei se vocês tem problemas em fazer pães. Sempre gostei e achei muito digna a profissão do padeiro. Confesso que fazer pães requer não somente a prática mas uma dedicação que poucas pessoas têm. E uma dessas pessoas é nada mais, nada menos que Olivier Anquier, além de ser charmosíssimo e um excelente Chef. Em homenagem a ele, apresento o seu site http://www.olivieranquier.com.br, que é dinâmico e bem construído, rico em receitas e dicas, e ainda de quebra possui uma parte cultural bem interessante. Essa é a minha dica da semana, espero que gostem! Jusqu'à la prochaine!

Mais gatinhos










Olá meninas! Apresento hoje, mais uma edição de gatinhos em ponto cruz. Até a próxima pessoal!!!

Medidas de Ingredientes

 Meninas, me digam a verdade, não existe nada pior do que, na hora de fazer sua receita predileta, aparece uma medida que você não tem idéia de como possa medi-lá, não é mesmo? Vamos acabar com isso já! Veja como é fácil medi-lás agora, se não tem como medir com xícaras, meça em gramas!!!!
Bjks!!!!


Açúcar
1 xícara = 180 g
1/2 xícara = 90 g
1/3 xícara = 60 g
1/4 xícara = 45 g
1 colher (sopa) = 12 g

Chocolate em Pó
1 xícara = 90 g
1/2 xícara = 45 g
1/3 xícara = 30 g
1/4 xícara = 20 g
1 colher (sopa) = 6 g

Líquidos
(leite, água, óleo, etc)
1 xícara = 240 ml
1/2 xícara = 120 ml
1/3 xícara = 80 ml
1/4 xícara = 60 ml
1 colher (sopa) = 15 ml

Farinha de Trigo

1 xícara = 120 g
1/2 xícara = 60 g
1/3 xícara = 40 g
1/4 xícara = 30 g
1 colher (sopa) = 7 g

Manteiga ou Gordura Vegetal
1 xícara = 200 g
1/2 xícara = 100 g
1/3 xícara = 65 g

Dicas de Culinária

Olá meninas, como vão ? 
O post de hoje está ótimo, cheio de dicas simples e que fazem  maior diferença. Espero que possam aproveita-lás no dia-a-dia.
Bjks e até o próximo post!!!!

Alho: Exagerar no alho ao cozinhar e se arrepender depois tem solução: coloque na panela alguns talos de salsinha e leve novamente ao fogo, para que o gosto do alho seja absorvido
Baba de Quiabo: Para eliminar a baba do quiabo, lave-o ainda inteiro, seque-o e coloque-o numa tigela com um pouco de suco de limão, deixando repousar durante 15 minutos. Depois lave ligeiramente, corte e cozinhe
Cenouras e Aipos: Para resolver o problema de cenouras e aipos meio murchos, mergulhe-os em água gelada misturada com uma colher de chá de mel por uma hora. Escorra e seque levemente depois 
Batata frita sequinha:  Para que as batatas fritas fiquem bem sequinhas, depois de cortadas, coloque-as em água fervendo por alguns minutinhos e, em seguida, em água com gelo. Escorra bem, frite em bastante óleo e escorra em papel-toalha. 
Cheiro de fritura: Frituras deixam um cheiro desagradável que fica impregnado na cozinha. Para remediar, coloque meia colher (chá) de canela em pó em uma frigideira seca, aqueça e deixe alguns minutos. O cheiro desaparece e o aroma de canela perfuma a casa por um bom tempo. 
Purê: Quando o purê fica muito aguado, basta salpicar a mistura com um pouco de leite em pó. 
Congelamento de Crepes e Panquecas: Intercále-os com papel impermeável, embrulhe em um papel alumínio na quantidade que irá utilizar e congele. 
Couve Flor: Para manter a couve-flor branca, adicione um pouco de leite a água do cozimento.
Cogumelos Frescos: Para manter os cogumelos frescos, embrulhe-os em um saco de papel pardo, cortando-os depois em tiras finas. 

Farinha de Trigo: Pode ser congelada para manter o mesmo sabor e qualidade. Congele na própria embalagem ou em sacos plásticos.
Frango Empanado: Para empanar pedaços de frango sem fazer sujeira, coloque a farinha dentro de um saco plástico. Junte os pedaços de frango e chacoalhe até misturar bem.
Fritura: Durante o preparo de frituras, acrescente 1 colher (sopa) de vinagre. Isso impedirá que a massa absorva muita gordura.
Polenta: Muitas receitas de polenta pedem água morna ou quente. Mas o segredo de uma polenta leve e sem os gruminhos é prepará-la com água fria e ir mexendo com colher de pau até que ferva e engrosse. O tempo de cozimento é de  40 minutos em média (para o fubá que não é pré-cozido).
Macarrão mas solto: Na hora de cozinhar, pingue algumas gotas de óleo na água. Isso impede também que a água transborde quando ferve, poupando seu trabalho
Descongelamento da Carne em Pedaços: Para descongelar carne em pedaços inteiros coloque-a embrulhada, numa vasilha com água. Coloque sal na água e no pacote e tampe por uma hora.
Ovo Gelado: Quando colocado gelado diretamente em água em ebulição, racha pela diferença de pressão. O correto é colocar o ovo em água à temperatura ambiente e levá-lo ao aquecimento lento. Como referência, saiba que, no instante em que a água entrar em ebulição, um terço da clara já esta coagulada.
Cenoura: A principal riqueza nutritiva da cenoura é o caroteno, um elemento que durante a digestão se transforma em vitamina A, muito importante para os olhos, a pele e as mucosas. Também é um alimento ótimo para regimes porque não tem gorduras. Por ser um legume tão rico, recomenda-se o consumo de pelo menos duas cenouras médias por semana.
Raspas de Limão e Laranja: Congele as frutas e, na hora de utilizá-la rale a quantidade pedida pela receita
Tripinha do Camarão: Tirar a tripinha preta que envolve o dorso dos camarões não é terefa fácil , mas se você deixá-las de molho por meia hora em água fria com vinagre e limão seu trabalho será menor.
Tomates Congelados: Congele os tomates inteiros, um a um. Depois de congelados coloque-os num saco plástico. Quando for usá-los, retire-os do freezer e com uma faca tire a pele imediatamente debaixo de água corrente. É que, assim, ela sairá facilmente e o tomate poderá ser usado para molhos e refogados.
Biscoito Grudado: Se os biscoitos grudarem na assadeira, coloque-os sobre a chama do fogão durante alguns segundos. Eles soltarão facilmente.
Untar Assadeira: Em vez de untar a forma de bolo com farinha de trigo, use aveia , farinha de rosca ou farelo de trigo. Além de saudável, o bolo adquire uma textura diferente.
Bolo Queimado: Se o bolo que deu tanto trabalho queimou, não se desespere: passe um ralador de queijo côncavo na parte queimada até retirar a crosta.

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Bananas em Ponto Cruz







Olha eu aqui outra vez, ainda sobre as banana, apresento alguns gráficos em ponto cruz para fecharmos o assunto com chave de ouro e citando Carmem Miranda digo, "Chiquita Bacana lá da Martinica, se veste com a casca de banana nanica!" Até a próxima pessoal!

YES, nós temos bananas!



Olá meninas! Aproveitando o gancho da postagem desta deliciosa iguaria a base da banana, venho apresentar algumas curiosidades sobre essa deliciosa fruta. Pois bem, a banana representa o quarto produto alimentar mais produzido no mundo, a seguir ao arroz, trigo e milho. São cultivadas em 130 países. Originárias do sudeste da Ásia, sendo atualmente cultivadas em praticamente todas as regiões tropicais do planeta. Vulgarmente, inclusive para efeitos comerciais, o termo "banana" refere-se às frutas de polpa macia e doce que podem ser consumidas cruas. Contudo, existem variedades cultivares, de polpa mais rija e de casca mais firme e verde, geralmente designadas por plátanos, banana-pão ou plantains, que são consumidas cozinhadas (fritas, cozidas ou assadas, aliás muito comum na dieta alimentar dos nigerianos), constituindo o alimento base de muitas populações de regiões tropicais. A maioria das bananas para exportação são do primeiro tipo, ainda que apenas 10 a 15% da produção mundial seja para exportação, sendo os Estados Unidos da América e a União Europeia as principais potências importadoras. São uma fonte apreciável de vitamina A, vitamina C, fibras e potássio. (Fonte:Wikipedia.com.br).

A banana deve ser comida ao natural ou misturada em saladas, com outras frutas. Podemos usar, também, com vantagem, os doces de banana, as bananas dessecadas e a farinha de banana, que são alimentos principalmente energéticos. A banana pode ser incluída na dieta infantil desde os seis meses de idade. Nos Estados Unidos ela é ministrada mais cedo às crianças. Passada no liquidificador é incluída na mamadeira.
Quem se lembra da estratégia usada em quadra pelo tenista Gustavo Kuerten nos seus dias de glória nas quadras dos jogos de tênis internacional? Sim ele comia bananas entre uma raquetada e outra, fruta esta que está ao alcance das mãos do mais simples dos homens. Não era somente o potente saque, que lhe dava pontos. Também não era a cara raquete Head Luxilon, a preferida do supercampeão, um luxo para poucos. A resposta não poderia ser mais singela. É a banana. Guga costumava comer a fruta durante as partidas como forma de evitar cãibras. É um truque que ele ensina em seu site e que já foi visto por centenas de torcedores nas transmissões de campeonatos pela TV. Não é por acaso que a banana como energético, é a fruta nº. 1 dos atletas bem sucedidos do mundo. (Fonte: www.acessa.com.br).

A banana é o segundo fruto mais produzido e consumido no Brasil, segundo país no ranking da produção mundial, tanto como sobremesa como acompanhamento nas refeições, ainda que ocupe apenas 0,87% do total das despesas de alimentação dos brasileiros em geral (daí a expressão "a preço de banana" para referir que algo é pouco dispendioso). Como alusão a canção famosa de Carmem Miranda, digo com muito orgulho, Sim, nós temos Bananas! A nossa musa mantenedora de saúde e longa vida. Até a próxima pessoal.

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Centro de mesa de Crochê


Bolo de Banana Caramelizada



Olá meninas, depois de tanto tempo sem postar nada, trago hoje para vocês esse bolo maravilhoso e fácil de fazer. Embora ele não estaja tão bonito na foto, ele fica com um brilho lindo!Chega de papo e vamos a receita.
Ingredientes:

Caramelo:
1 xícara (chá) de açúcar

Bolo:
3 ovos
1 ½ xícaras (chá) de açúcar
1 xícara (chá) de água
½ xícara (chá) de óleo
3 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (sopa) de fermento em pó
6 bananas cortadas em fatias


Modo de Preparo:

Em uma panela, aqueça o açúcar até que obtenha um caramelo e despeje em uma fôrma para pudim ou redonda com furo no meio (não se esqueça de passar o caramelo nas laterais). Reserve. Em uma batedeira, bata os ovos com o açúcar até que obtenha um creme fofo e claro. Acrescente, sem parar de bater, a água, o óleo, a farinha de trigo aos poucos e, por fim, o fermento até que fique homogêneo. Distribua as fatias de banana no fundo e nas laterais da fôrma reservada e despeje a massa. Leve para assar no forno preaquecido (150 ºC) por cerca de 30 minutos.

Rendimento: 10 porções
Tempo de Preparo: 60 minutos
Grau de Dificuldade: Fácil

 Essa massa fica muito fofa e macia, o melhor é que não fica doce, vale a pena fazer.
Dica: No local da banana, pode-se usar, maçã e abacaxi.
Bjks e até a próxima!!!

Blusa Lilás de Crochê





Olá meninas! Hoje venho trazer uma blusa que particularmente acho muito interessante, justamente porque mistura simplicidade e a pura arte do crochê. Espero que gostem. Até a próxima.

sábado, 21 de novembro de 2009