As 3 Artes: YES, nós temos bananas!

Centro de mesa em Crochê

Especial Gueixas em Ponto Cruz

Especial Gueixas em Ponto Cruz Gueicas em Ponto Cruz

Semaninha de Vaca

Linda semaninha de vaca, você vai amar este lindo gráfico em ponto cruz!

Titulo da Imagem Titulo da Imagem

Vestidos de Noivas em Crochê

Especial dedicado a todas as noivas, lindas inspirações em crochê

Titulo da Imagem Titulo da Imagem

Especial Tinker Bell 01,02,03,04,05

Lindos gráficos em ponto cruz da fada mais querida da Disney e sua turma

Titulo da Imagem Titulo da Imagem

Turma da Galinha Pintadinha

Idéias para montagens de personhagens da galinha pintadinha em eva e garrafa pet

Titulo da Imagem Titulo da Imagem

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

YES, nós temos bananas!



Olá meninas! Aproveitando o gancho da postagem desta deliciosa iguaria a base da banana, venho apresentar algumas curiosidades sobre essa deliciosa fruta. Pois bem, a banana representa o quarto produto alimentar mais produzido no mundo, a seguir ao arroz, trigo e milho. São cultivadas em 130 países. Originárias do sudeste da Ásia, sendo atualmente cultivadas em praticamente todas as regiões tropicais do planeta. Vulgarmente, inclusive para efeitos comerciais, o termo "banana" refere-se às frutas de polpa macia e doce que podem ser consumidas cruas. Contudo, existem variedades cultivares, de polpa mais rija e de casca mais firme e verde, geralmente designadas por plátanos, banana-pão ou plantains, que são consumidas cozinhadas (fritas, cozidas ou assadas, aliás muito comum na dieta alimentar dos nigerianos), constituindo o alimento base de muitas populações de regiões tropicais. A maioria das bananas para exportação são do primeiro tipo, ainda que apenas 10 a 15% da produção mundial seja para exportação, sendo os Estados Unidos da América e a União Europeia as principais potências importadoras. São uma fonte apreciável de vitamina A, vitamina C, fibras e potássio. (Fonte:Wikipedia.com.br).

A banana deve ser comida ao natural ou misturada em saladas, com outras frutas. Podemos usar, também, com vantagem, os doces de banana, as bananas dessecadas e a farinha de banana, que são alimentos principalmente energéticos. A banana pode ser incluída na dieta infantil desde os seis meses de idade. Nos Estados Unidos ela é ministrada mais cedo às crianças. Passada no liquidificador é incluída na mamadeira.
Quem se lembra da estratégia usada em quadra pelo tenista Gustavo Kuerten nos seus dias de glória nas quadras dos jogos de tênis internacional? Sim ele comia bananas entre uma raquetada e outra, fruta esta que está ao alcance das mãos do mais simples dos homens. Não era somente o potente saque, que lhe dava pontos. Também não era a cara raquete Head Luxilon, a preferida do supercampeão, um luxo para poucos. A resposta não poderia ser mais singela. É a banana. Guga costumava comer a fruta durante as partidas como forma de evitar cãibras. É um truque que ele ensina em seu site e que já foi visto por centenas de torcedores nas transmissões de campeonatos pela TV. Não é por acaso que a banana como energético, é a fruta nº. 1 dos atletas bem sucedidos do mundo. (Fonte: www.acessa.com.br).

A banana é o segundo fruto mais produzido e consumido no Brasil, segundo país no ranking da produção mundial, tanto como sobremesa como acompanhamento nas refeições, ainda que ocupe apenas 0,87% do total das despesas de alimentação dos brasileiros em geral (daí a expressão "a preço de banana" para referir que algo é pouco dispendioso). Como alusão a canção famosa de Carmem Miranda, digo com muito orgulho, Sim, nós temos Bananas! A nossa musa mantenedora de saúde e longa vida. Até a próxima pessoal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário